segunda-feira, 10 de agosto de 2009

COUCOU!!!

Bem, estou eu aqui de novo e com erros novos a ser mostrado. É que o teclado nao é em português e para procurar as chaves de combinacoes, para `til, cedilha et cetera` nao consigo, na realidade. É a première fois que eu inscrevo nesse blog desde que estou aqui no Canada. Vou tentar nao utilizar o inglês, tampouco o francês. Manoel, PAS ANGLAIS, PAS FRANCAIS. D`accord? Yep!
Primeiramente, confesso que estou com fome mas lembrei agora que comprei uma Ruffles hoje a tarde e estou indo agora pegá-la. (Levanto-me da cadeira desconfortável do meu aquecido quarto com espânto cada vez que o olho de maneira geral, pelo simples facto de haver bagunca por todos os lados, e pego meu pacote de Ruffles.) Nao quero vir a esse blog e simplesmente falar em assuntos triviais, como Saudades, Amores, Faltas.. Nao. Hoje nao. Mas também nao sei o que dizer.Falar da cultura daqui, nem tanto. Para isso eu recomendaria, quer dizer, eu mesmo nao, alguem lhes recomendaria um guia turistíco ou algo mais concentrado de informacoes. O tempo é corriqueiro e sempre eu o vejo como norteador de tudo. Se vai chover, se vai esfriar, se vai esquentar.. Tudo se cruza com o Tempo, a qualidade do clima. Isso é estranho pois no Brasil nao se encontrava tamanha versatilidade como um dia lindo Sol, fecha-se o tempo ao meio-dia, nuvens carregadas trazem chuvas torrenciais e thunders, raios e outros agradam a noite com barulhos desconcertantes!!! Voltando ao meu mundo e meu quarto. O calor aqui está insurpotável, hoje. Estou sem ar-condicionado e sem ventilador!! O Ventilador está no quarto de um Mexica, ao lado do meu, ele sempre pega antes de mim, mas eu nunca retruco. Talvez seja porque eu nem pense nisso. É uma hora da matin e eu aqui acordado feito um louco e escrevendo para poucos, MAS amigos. Gente, o que eu deveria escrever, inscrever, anotar ou descrever? Nao consigo me focalizar em alguma coisa. Meu quarto está uma bagunca grande e eu preciso arrumá-lo, mas nao o farei, pelo menos nao hoje. Entao, Eu me pergunto: Cê tá com saudade da faculdade? ; Eu me respondo: Nao!. Ok. Mas de uma coisa eu digo com toda clareza: amanha eu vou pra aula, portanto desde já muito obrigado, mas tenho que me desligar!! Entao um beijo para você que leu e nao deu tempo de comentar! Uma noite como essa nao preciso nada pra me esquentar, Vou me embora para camar que meu mal é ..... (Talvez seja isso mesmo, mas eu lembro que eu já o fiz). Beijos pra todos e abracos também. À bientôt.

2 comentários:

Marcos Portela disse...

Tu num tinha arrumado o quarto por esses dias, né?! Imagino só a bagunça que deve tá isso aí, uma desordem total. Mas cada um entende os seus desentendimentos, da mesma forma deve ser com a sua bagunça, baby! Você não deve tá tão perdido com ela, senão, já teria arrumado novamente, da mesma forma que a gente tenta arrumar as coisas dentro da gente quando a gente não tá muito legal e não consegue se 'encontrar'. E quanto ao 'mexica', não retruque, apenas aja antes dele. Pega o ventilador antes que ele pegue e assim, você passe as noites de calor de forma mais confortável. kkkk Saudades, baby! Sou dos poucos que comentará! Amigão que amo muitão! ;) Abraços.

Magda disse...

Oláá..
é claro que eu tinha que vir aqui.
:D
Por um simples e essencial motivo: lhe amo.
E fico feliz ao saber de um pouco de sua vida aí tão longe.

Da sua amiga que lhe ama tanto ^^

Quem sou eu

Minha foto
Nasci em Recife, mas logo fui morar na cidade da Vitória de Santo Antão. Hoje, aqui, sinto que é uma particularidade íntima. Esse meu viver, minhas afinidades com essa cidade, transporta-me a outros mundos.''Sou a fusão do adulto maduro e o menino tenro''. ''Cogito ergo sum'' Escrevo desde os 16 anos e descobri na escrita um pedaço de mim, uma ânsia ardente e gostosa. Não reviso meus textos. Escrevo contos, romances, novelas etc.